Viagem ao JALAPÃO-Tocantins-Brasil-2019

O JALAPÃO, situado no coração do Brasil no Estado do Tocantins, destaca-se por uma natureza exuberante, torcida e retorcida do cerrado, de encher os olhos e a alma!

Antes de partir para o JALAPÃO, parada obrigatória na cidade de PALMAS, capital do Estado do Tocantins, uma bela cidade planejada de avenidas largas e com lindas praias do Rio Tocantins com um Por do Sol de tirar o fôlego.

Partindo para o JALAPÃO, algo até então imaginário, foi transformado numa viagem única e indescritível, onde uma imensidão de areias finas e fofas imersas em estradas sem fim cercadas da vegetação típica do cerrado, se colocam diante dos meus olhos e das minhas lentes. UMA VISÃO ÚNICA!

Cenário bruto de uma paisagem árida de árvores retorcidas e, como numa magia, brotam flores coloridas e delicadas, araras azuis e maritacas sobrevoam essa imensidão dando cores ao som de gritos estridentes que lhe são peculiares.

Cachoeiras e rios límpidos transparentes, de uma cristalinidade surpreendente, enfeitam a vegetação de forma cuidadosa.

As nascentes dos rios, os chamados fervedouros, um verdadeiro santuário ecológico, dignos de reverência e contemplação, de águas esverdeadas transparentes e emolduradas por uma vegetação nativa e buritis num cenário jamais visto. Um oásis de águas frescas e límpidas  dando vida a rios que desembocam mais adiante, de uma beleza estonteante, registrados cuidadosamente pelo meu olhar e minha câmera. 

No meio do caminho, uma extensão de pedras rochosas avermelhadas se colocam no meio da vegetação com grande imponência, dando um contraste maravilhoso de cores nas esculturas da natureza ao longo de milênios, como a PEDRA FURADA.

A população nas cidades de Ponte Alta, Mateiros e São Felix, dentre outras, recebem os visitantes com um sorriso de boas vindas e com uma comida simples e deliciosa. Os herdeiros dos Quilombolas produzem garapa, óleo de buriti, rapadura e tantas outras iguarias, além de artesanatos únicos, a partir do capim dourado encontrado na vegetação.

As dunas do JALAPÃO, no Parque Estadual do Jalapão, se estendem numa visão de areias finas alaranjadas dando a sensação  de um deserto, mas ao mesmo tempo rodeado de águas frescas formando pequenas lagoas, contrastando com o céu azul e as cores da vegetação das veredas. O sol se despede do dia lentamente colorindo ainda mais o santuário ecológico do Tocantins!

Nessa viagem, registro nas minhas fotografias, um espetáculo da natureza e, com grandes emoções revejo nessa galeria momentos tão especiais que ficaram na minha memória para sempre.

Selma Arenales.